Categoria

AI

Categoria

Descubra quais os níveis de maturação da empresa em uso de dados!

Você sabe identificar em qual nível de maturação o seu empreendimento encontra-se neste momento? Os empresários que desejam obter o sucesso devem ter o devido conhecimento dos níveis de maturação da empresa em uso de dados e ser capazes de discernir em qual deles sua empresa se situa. Com a posse dessas informações, é possível compreender e solucionar os desafios pertencentes a cada nível, além de estabelecer prioridades no gerenciamento. Ignorar o estágio exato da empresa propicia tomadas de decisão precipitadas, que poderão comprometer o crescimento do negócio. Neste artigo, apresentaremos os cinco níveis de maturidade empresarial e indicaremos qual a importância desse acompanhamento. Ao término da leitura, você será capaz de mensurar o nível de uma empresa e assim usufruir de todos os benefícios que esse gerenciamento proporciona. Siga conosco! Qual é a importância do acompanhamento da maturação empresarial? Os dados são uma das principais ferramentas para a tomada de decisão.…

Chatbots: o que são e como utilizá-los no atendimento da empresa?

Soluções estratégicas aliadas à tecnologia são as armas de grandes empresas na hora de buscar resultados rápidos e com melhor custo-benefício. Nesse contexto, uma ferramenta vem se destacando cada vez mais: os chatbots. De forma bem resumida, eles podem ser utilizados para revolucionar todo o atendimento e comunicação, interna e externa, da sua empresa. Quer saber mais sobre o que são chatbots e como isso tudo pode acontecer? Acompanhe este post para saber: O que são chatbots? Chatbots são softwares que, fazendo uso da inteligência artificial, podem interagir com o usuário por meio de interfaces de bate-papo no site da empresa ou mesmo em redes sociais. Essa tecnologia pode ser integrada aos diversos canais de atendimento da organização, padronizando a experiência do usuário independente do canal que ele utilize — o que, consequentemente, proporciona consistência à imagem da empresa. Além disso, ela atende as dúvidas de forma mais rápida e…

Confira como a Internet das Coisas está sendo aplicada na gestão empresarial

A Internet das Coisas (também conhecida como IoT, sigla em inglês para Internet of Things) é uma tendência que vem conquistando espaço no dia a dia de negócios em mercados internacionais, podendo ganhar força no cenário brasileiro em breve. Isso poderá gerar benefícios aos gestores, como a possibilidade de basear suas decisões em dados de maior qualidade e precisão. De forma resumida, a IoT é um conceito que envolve a possibilidade de que não só equipamentos de informática e eletrônicos, mas também máquinas, eletrodomésticos e outros dispositivos se conectem à web e troquem dados entre si. Para se ter uma ideia de sua força e importância, de acordo com previsões da Cisco, até 2021 o tráfego IP entre módulos M2M (Máquina a Máquina) crescerá 49%. Quer saber como a IoT pode ser aplicada na gestão e operação das empresas? Continue lendo e confira os exemplos que selecionamos! Sensores de monitoramento de máquinas Os sensores…

4 vantagens de usar Big Data nas análises preditivas das empresas

As análises preditivas são essenciais para as empresas preverem oportunidades, riscos e potenciais de negócios. Contudo, sistemas comuns já não dão conta do grande volume de dados produzidos atualmente, que é proveniente não só de soluções virtuais, mas de sensores, câmeras e outros equipamentos graças à Internet das Coisas (IoT). Para processar esse conteúdo todo e produzir estimativas mais precisas, é vital contar com uma solução de Big Data. Aliás, ele se tornou tão importante atualmente que já movimenta dezenas de bilhões de dólares, podendo chegar a US$ 72 bilhões até 2020. Com o Big Data, processos como identificação de padrões, criação de estatísticas e mapeamento de tendências são otimizados, proporcionando maior eficiência e rentabilidade ao negócio. O resultado é a obtenção de dados de maior qualidade para a tomada de decisão dos gestores. Além disso, há outras vantagens do uso de Big Data em análises preditivas. Continue a leitura e…

Business Intelligence: confira os benefícios que essa solução traz para gestão

Compreender que o Business Intelligence (BI) é uma estratégia de inteligência de negócios é algo essencial no mundo corporativo atual. Mas você já deve saber isso. Afinal, na Era da Informação, ter acesso aos dados é crucial para tomar decisões acertadas. Esse conceito começou a ser utilizado ainda nos anos 1980 já com o propósito de contribuir para a estratégia organizacional. No entanto, até então, estava restrito às possibilidades de cálculo permitidas pelo MS Excel. Portanto, a base era a tentativa e o erro. Com mais de 30 anos de existência e o advento da internet, um novo papel foi designado para o analista de BI: transformar dados brutos em insights para as tomadas de decisão — foi assim que essa abordagem se transformou em data science e trouxe mais benefícios para as organizações. Para compreender melhor esse contexto, neste post veremos o conceito de BI, sua importância, vantagens para a gestão,…

Previsibilidade de receita: como e por que alcançá-la?

Você gerencia muitos processos em seu dia a dia, certo? Então, deve saber que é preciso provar que cada real investido gera um retorno financeiro para a organização. Isso nem sempre é fácil, mas é simplificado com a previsibilidade de receita. A ideia é ajudar o planejamento de recursos e garantir uma boa alocação para o crescimento saudável do negócio. O resultado é a otimização do gerenciamento financeiro e orçamentário, bem como o cumprimento dos objetivos estratégicos. Então, que tal compreender a importância dessa abordagem e como efetivá-la? É o que veremos neste post. Acompanhe! A importância da previsibilidade de receita O trabalho de produção, vendas, marketing, gestão etc. está inter-relacionado. Nesse cenário, a previsibilidade de faturamento alinha a expectativa à realidade. Com o tempo, pode reduzir custos e desperdícios, e até aprimorar o relacionamento com o cliente. Alguns motivos justificam a adoção dessa abordagem. Validação da tração de produto/serviço Um grande volume de vendas nem sempre representa a demanda…

Entenda como a inteligência artificial melhora a experiência do cliente

Um dos principais requisitos para atuar estrategicamente é cuidar do atendimento ao cliente. Melhorar a experiência do usuário é o primeiro passo para deixá-lo satisfeito e, posteriormente, fidelizá-lo. E a inteligência artificial (IA) pode ajudar nesse processo. Essa recomendação é válida para empresas de qualquer segmento. Por isso, várias gigantes que atuam no Brasil já adotaram essa postura. Entre elas estão a TIM, Amazon, Bradesco, Microsoft, Walmart, Cyrela e muitas outras. Por que isso acontece? A resposta é simples: a IA pode ser aplicada de diversas maneiras, como para aumentar a eficiência operacional, reduzir custos, antecipar os desejos dos consumidores e solucionar seus problemas de forma proativa. Parece coisa de filme? Pode ser, mas essa é a realidade. É só acompanhar, a seguir, algumas maneiras de como a IA contribui para o atendimento ao usuário. Rastreia e mantém perfis Conhecer as preferências dos consumidores é essencial para traçar estratégias acertadas. Com a IA as empresas,…

Já ouviu falar em deep learning? Conheça essa tendência!

A inteligência artificial (IA) está cada vez mais presente no dia a dia. Em redes sociais, celulares, computadores e no ambiente corporativo ela já ocupa um espaço tão grande que é difícil se lembrar do mundo sem essas soluções. Nesse cenário, o deep learning é quem dá vida e impulsiona o desenvolvimento da IA. Quer entender o que é isso e qual a sua importância? É justamente sobre esse conceito que falaremos a seguir. Acompanhe! O que é deep learning? Deep learning, em português, significa aprendizado profundo — e é um conceito que ganha cada vez mais espaço no campo da IA. É uma subárea do machine learning que utiliza redes neurais para aprendizados como reconhecimento de fala, visão computacional e processamento de linguagem. As redes neurais são desenvolvidas desde 1950 e estão por trás de ferramentas como a assistente da Microsoft, a Cortana, e o tradutor do Google. Nelas, adota-se o conceito de camadas: cada uma…

Por que fazer sua tomada de decisão baseada em dados? Entenda!

A tomada de decisão baseada em dados, ação conhecida também como data-driven, é capaz de elevar os níveis de precisão das estratégias corporativas, gerando melhores resultados. Isso foi confirmado por uma pesquisa feita com 330 empresas públicas dos EUA, pelos professores Andrew McAfee e Erik Brynjolfsson, do Centro de Negócios Digitais do MIT, em colaboração com a McKinsey & Co. O estudo descobriu que companhias mais orientadas por dados tinham 6% mais lucros do que a média, além de 4% a mais de produtividade. Como visto, somente com informações concretas e de qualidade é possível tomar decisões corretas que contribuam para o crescimento da empresa. De outro modo, sem análise de dados não se tem uma visão real e quantitativa da expansão da empresa, nem de seus resultados. Para entender melhor sobre a necessidade de dados qualitativos e quantitativos para a tomada de decisão, separamos algumas questões que tornam o…

Machine learning: veja como funciona e os benefícios para sua empresa

O machine learning (aprendizado de máquina) é uma das soluções tecnológicas que está modificando o mercado, assim como  Big Data, ferramentas de analytics, entre outras. Se bem empregado, ele pode ajudar sua empresa a conquistar mais clientes por meio de indicações otimizadas de produtos e de uma melhora no relacionamento com o público. Além disso, ajuda na tomada de decisão caso aliado à produção de dados mais precisos sobre comportamentos de consumo. Quer entender melhor como essa tecnologia pode auxiliar o seu negócio a prosperar? Continue lendo e descubra! O que é machine learning e como funciona? Aprendizado de máquina envolve sistemas auxiliados por algoritmos especiais programados para aprenderem e se aperfeiçoarem continuamente de forma automática, tendo por base suas experiências. Eles utilizam estatística, análises combinatórias, teoria da probabilidade, entre outros conhecimentos para trabalharem, sendo que performam melhor com grandes conjuntos de dados. Devido a isso, reconhecem padrões complexos, tomam decisões…