As fake news no Brasil têm se tornado um grande problema, tanto para as pessoas quanto para os órgãos governamentais.

A facilidade de espalhar notícias falsas nos canais digitais, como o Facebook e o WhatsApp, e a dificuldade de retirar esses conteúdos da rede facilitam a ação de indivíduos com a intenção maliciosa de difamar seus adversários, de manipular o mercado para obter ganhos pessoais etc.

O volume de fake news é grande e as notícias surgem a todo momento. É praticamente impossível fazer uma varredura manual para remover os conteúdos inadequados da Internet. Assim, a Inteligência Artificial (IA), com sua capacidade de entender a linguagem humana e de analisar vários dados por segundo, parece ser a solução ideal.

Quer entender melhor esse cenário? Acompanhe!

Como tem sido a divulgação de fake news no Brasil?

No último ano, temos vivido um cenário político muito polarizado, baseado em agressões mútuas nas redes sociais. Na maioria das vezes, infelizmente, essas discussões são baseadas completamente em fake news. Em vez de respeitar as opiniões divergentes, muitas pessoas têm preferido lançar campanhas falsas contra a honra dos indivíduos.

Por exemplo, nas últimas semanas, o Supremo Tribunal Federal (STF) organizou uma força-tarefa para identificar calúnias contra a instituição e os ministros. Os juízes que se posicionam a favor de uma política penal mais branda estão sendo atacados e acusados de corrupção sem nenhum embasamento factual. Tudo é feito utilizando fake news.

Nesse contexto, a Polícia Federal recolheu vários computadores suspeitos de conterem softwares de disparo de mensagens com notícias falsas. Ou seja, efetivamente, o machine learning (aprendizado de máquina) tem sido utilizado para a propagação delas. Agora, parece que ele também será o próprio antídoto para esse grave problema.

Powered by Rock Convert

Como combater a fake news?

Pontuar páginas da web

Pontuar as páginas da web foi a solução encontrada pelo Google para reduzir a propagação de fake news.

Os softwares de machine learning da empresa conseguem compreender o conteúdo das páginas. Então, de acordo com a linguagem utilizada, como o uso de palavras sensacionalistas, os robôs identificam conteúdos potencialmente suspeitos.

Assim, o ranqueamento da página nas buscas cai bastante, reduzindo a chance de as notícias falsas atingirem um público maior.

Pesar os fatos

Para o combate de notícias falsas, uma das técnicas mais importantes é a ponderação dos fatos. Para isso, a Inteligência Artificial tem avançado cada vez mais na determinação do significado semântico dos textos e das fotos de uma página da web.

Assim, a partir do sentido do texto, da escolha de imagens e da localização geográfica, o machine learning fará uma comparação das páginas com o que tem sido narrado em sites confiáveis, como aqueles dos grandes meios de comunicação. Se o conteúdo estiver muito divergente, a página será considerada fake news.

Prever reputação

À medida que um endereço da web é constantemente ligado a fake news, a IA perceberá esse padrão e classificará esse site como “não confiável”. A partir de então, todas as publicações do endereço serão consideradas fontes de notícias falsas.

Ao contrário do que acontece no primeiro item, em que se analisa notícia a notícia, todo o site é colocado em suspeita. Assim, é possível fazer um trabalho preventivo e impedir que as redes sociais e o ranking do Google deem maior visibilidade a ele.

Descobrir palavras sensacionalistas

Nas notícias, o título é utilizado para chamar a atenção do público. Isso explica porque os sites propagadores de fake news geralmente utilizam manchetes extremamente sensacionalistas.

Desse modo, captam um público cada vez maior que, organicamente e sem precisar de ferramentas de disparo, ajuda a espalhar as notícias mais rápida e amplamente.

O machine learning é uma ferramenta essencial para identificar e combater essa estratégia. Com o tempo, o robô perceberá quais são as palavras-chave sensacionalistas e seu padrão de uso para diminuir a visibilidade das fake news.

Prever o comportamento do usuário

Geralmente, os propagadores de fake news seguem um padrão muito semelhante, especialmente se estiverem utilizando algum software de disparo de mensagens. Mais do que compreender o conteúdo, a Inteligência Artificial também será capaz de identificar o padrão dos propagadores de fake news.

Por exemplo: geralmente, nas campanhas de divulgação de notícias falsas, o número de encaminhamentos no WhatsApp é muito maior que o normal para um usuário. Da mesma forma, há uma utilização excessiva de caps lock. Todos esses fatores podem ajudar a levantar a suspeita de fake news.

Identificar a linguagem utilizada

Além das palavras sensacionalistas, há outra estratégia muito interessante para identificar fake news: perceber o padrão linguístico das notícias.

Nesse sentido, um estudo realizado pela USP pode ser essencial para ajudar a Inteligência Artificial. Os pesquisadores perceberam que há determinadas classes de palavras ou de erros gramaticais que são muito mais frequentes nos sites de fake news do que nas notícias de sites tradicionais.

Os levantamentos apontam que:

  • o tamanho das frases costuma ser muito maior nas fake news. Nos jornais virtuais tradicionais, as frases contam com a média de 15 palavras. Nas fake news, essa média sobre para 21;
  • há muito mais erros de ortografia nos sites de notícias falsas. O número é assustador. Enquanto os erros ortográficos estão presentes somente em 3% dos conteúdos de páginas de jornais tradicionais, nos propagadores de fake news esse valor é de 36%!

Como são gerenciados por pessoas comuns, não ligadas ao jornalismo, os sites de fake news também contam com outros problemas, como falta de riqueza lexical, pontuação inadequada etc. Tudo isso pode ser identificado facilmente pela IA.

Portanto, se até um tempo atrás a inteligência artificial era a principal aliada dos propagadores de fake news no Brasil, parece que agora será o grande inimigo. Tantas pessoas já tiveram sua reputação afetada por notícias falsas que medidas mais enérgicas precisam ser tomadas. Caso contrário, em vez de fonte de informação, a Internet se tornará lugar de conteúdos enganosos. Por isso, são necessárias ações para manter a integridade da rede.

Quer saber mais a respeito de como funciona a Inteligência Artificial e sobre as tarefas que ela pode executar? Então, confira nosso outro post sobre o assunto!

Beluga
Autor

No blog Beluga você encontra o melhor conteúdo sobre data science, machine learning e inteligência artificial para alavancar sua empresa através dos seus dados.

Escreva um comentário