Usar dados para reduzir custos na empresa é a solução que muitas empresas estão encontrando graças ao emprego de ferramentas de Big Data e Business Intelligence (BI). Isso porque essas tecnologias são capazes de processar um grande volume de conteúdo para gerar insights e previsões mais acertadas, que ajudam gestores a tomarem decisões com maior embasamento.

Se você tem interesse em conseguir maior economia e aperfeiçoar processos empresariais, continue lendo e veja o que preparamos sobre essas soluções!

O que são Big Data e Business Intelligence?

De modo resumido, Big Data tem relação com a geração de um alto volume de dados provenientes de várias fontes e com a possibilidade de cruzar esses dados para obter insights de maneira rápida, confiável e acertada. Muitas vezes, ferramentas de Big Data são usadas para conseguir análises preditivas e extrair valor do que é processado.

Business Intelligence, por sua vez, está relacionado ao processo de coleta, estruturação e análise de informações que fornecem suporte à administração de negócios, além da manutenção desses dados.

Podemos dizer que envolve o emprego de instrumentos e técnicas que ajudam na transformação de dados brutos em informações úteis e valiosas que colaboram na identificação de oportunidades. Alguns de seus principais benefícios são a geração de insights e o fornecimento de auxílio no processo de tomada de decisão.

Como a coleta e análise de dados afeta a empresa?

Melhoria nos processos e produtos/serviços

Graças a dados robustos e instrutivos sobre o estado de processos, os gestores podem mapear pontos que precisam de melhorias em várias atividades, como no atendimento ao cliente. Isso porque algumas ferramentas de análise de dados permitem:

  • avaliar comportamentos e hábitos de consumo;
  • identificar períodos de sazonalidade;
  • identificar e traçar perfis;
  • customizar atendimentos;
  • antecipar eventuais necessidades etc.

Graças a isso, é possível aprimorar diversos processos e produtos, como a interface virtual de um site, o pós-venda oferecido aos consumidores, a capacitação dos colaboradores, entre outros.

Otimização da busca de dados

Imagine que você, como gestor, precisa acessar dados financeiros sobre os custos da sua equipe. Para isso, abre uma planilha em que esses dados estão relacionados. Depois, busca os ganhos proporcionais gerados por seus colaboradores, o que requer o acesso a uma nova planilha. Também deve analisar as metas atuais do time, o que exige a procura de outro arquivo.

Veja que só até aqui foram três planilhas abertas, de modo que precisará manipulá-las continuamente para conseguir o que precisa, sem falar no tempo perdido até encontrá-las em pastas diferentes.

Essa é uma situação comum em muitas empresas, que empregam centenas desses documentos para a organização de dados sobre diferentes processos. Além de ineficiente, buscar informações em planilhas pode ser demorado e trabalhoso.

Para evitar isso, o uso de uma ferramenta de Big Data é fundamental, já que automatiza esse processo e armazena todos os dados necessários para a execução desse tipo de análise.

Diminuição de erros

Graças a informações de qualidade, fica mais fácil diminuir erros operacionais e gerenciais. Isso se torna ainda melhor quando são empregadas fontes distintas de produção de dados, como sensores em equipamentos e dispositivos interconectados na chamada Internet das Coisas (IoT).

Maior agilidade e otimização de resultados

Uma grande vantagem de ferramentas de Big Data e de BI é a chamada análise “em tempo real”, isto é, a avaliação de dados no momento em que são produzidos. Com o uso de análises em tempo real é possível identificar problemas operacionais mais rapidamente, o que permite a redução de potenciais prejuízos maiores.

Qual a consequência de tudo isso?

A principal consequência é a redução de custos na empresa, já que os processos ficam mais ágeis e eficientes e as tomadas de decisões, baseadas em dados mais precisos, tornam-se mais acertadas. Além do mais, a melhora no relacionamento com o cliente contribui para a diminuição de reclamação e aumento da satisfação, o que evita gastos com ações remediadoras.

Por isso, usar dados para reduzir custos na empresa é uma excelente solução. Aliás, há casos de companhias que são especialistas nisso, como as de tecnologia e comunicação que, entre outras coisas, têm na informação parte essencial de seus negócios.

Para ficar por dentro de mais conteúdos, assine nossa newsletter e receba nossas publicações!

Beluga
Autor

No blog Beluga você encontra o melhor conteúdo sobre data science, machine learning e inteligência artificial para alavancar sua empresa através dos seus dados.

Escreva um comentário